Afinal, qual a importância do e-mail marketing para um e-commerce?

por | 22/01/2019 | marketing digital

Em um cenário com várias ferramentas para fazer o e-commerce decolar, é natural se perder frente a tantas oportunidades. A procura de meios para aumentar o tráfego na loja virtual e tornar o atendimento mais personalizado deve ser uma constante.

Nessa busca, o e-mail marketing surge como um investimento valioso. É um jeito fácil, econômico e lucrativo de manter o seu cliente próximo à empresa e cada vez mais confiante para fazer uma nova compra.

A seguir, exploramos um pouco mais sobre essa ferramenta que não pode ficar de fora da sua estratégia de marketing digital. Confira!

O que é e-mail marketing?

Consiste em se comunicar com clientes e potenciais clientes por e-mail. Essas mensagens podem ter o auxílio de softwares para serem enviadas automaticamente após determinadas ações do usuário na loja e monitoradas com base na maneira como foram recebidas.

Diferente de um post no Facebook, por exemplo, que está sujeito à visualização de inúmeras pessoas, o e-mail marketing é um modo mais próximo e particular de contato. É quase como uma conversa, na qual a sua intenção é manter o interlocutor focado no seu assunto.

Como toda conversa, o usuário deve estar ciente de que pode ser abordado pela sua empresa. Isso significa que você precisa ter a permissão para iniciar o relacionamento, além de estar sob o risco de fuga do usuário caso ele perceba que o assunto não é do seu interesse.

Por que usar e-mail marketing no e-commerce?

O e-mail marketing tem funções estratégicas para aumentar o tráfego no site e o número de vendas de um e-commerce. Veja as principais vantagens ao investir nessa ferramenta:

Poder de segmentação do público

O e-mail marketing possibilita um atendimento personalizado ao público, o que faz cada pessoa se sentir exclusiva. A segmentação pode considerar uma série de filtros, como localização geográfica e os interesses particulares na loja. Tudo vai depender do segmento e do tipo de produto/serviço que a sua empresa oferece.

Dessa forma, evita-se, por exemplo, enviar dicas de roupas para o clima frio a clientes que moram na região nordeste do país. Se você cometer gafes como essa, consequências de uma má (ou ausência de) segmentação, o cliente vai perder o interesse pela sua empresa e solicitar o cancelamento do recebimento de e-mail.

Papel indispensável no pós-venda

Você deve saber que a finalização da compra não é o fim do relacionamento com o cliente. Na verdade, esse é o momento de pedir uma avaliação do produto, perguntar se o frete ocorreu bem e cultivar um relacionamento para não cair no total esquecimento, no intuito de fidelizar o cliente. A melhor maneira de fazer esse processo é via e-mail!

A etapa da segmentação da base de contatos torna-se essencial no pós-venda, já que o relacionamento com o cliente ficará de pé por muito tempo apenas se os conteúdos, promoções e novidades enviados forem relevantes para o destinatário.

Redução da taxa de abandono de carrinho

O e-mail marketing é um forte aliado do e-commerce na tarefa de reduzir o abandono de carrinho e, consequentemente, aumentar a taxa de conversão. Afinal, ao ser lembrado dos produtos presentes no carrinho via e-mail, a chance de o cliente voltar ao site da loja e finalizar a compra é muito maior.

Como usar eficientemente essa estratégia?

O uso do e-mail marketing deve ser feito com base em boas práticas para que dê bons frutos à empresa. Separamos algumas ações fundamentais que podem lhe direcionar na aplicação dessa estratégia:

Conheça bem o seu público

Uma boa estratégia de e-mail marketing deve passar invariavelmente por um levantamento de dados consistentes sobre o público com o qual a sua empresa trabalha. Informações gerais como gênero, idade e dados geográficos apenas farão você construir conteúdos genéricos, sem alto poder de conversão.

O foco é conhecer os hábitos de consumo do cliente, comportamentos, objetivos, entre outros dados específicos. Assim, você o atinge de um jeito mais conveniente e consegue segmentá-lo com eficiência.

Tenha uma base de contatos própria

Conseguir pessoas para a sua lista de e-mail não é um bicho de sete cabeças. Caso o e-commerce já esteja ativo, você pode contar com um espaço dedicado à disponibilização do e-mail em troca de, por exemplo, cupons de desconto e conteúdos gratuitos relacionados ao seu segmento ou produtos específicos.

Outra prática que funciona é inserir um pop-up na página inicial do seu e-commerce. Dessa forma, assim que o usuário entrar na sua loja poderá inserir o endereço e entrar para a sua lista de contatos. Tenha em mente que, em qualquer uma das opções, colocar o e-mail deve ser uma ação fácil e livre de burocracias.

Só não pegue uma lista pronta de contatos! Primeiro porque, conforme o código de autorregulamentação para a prática de e-mail marketing, o contato deve ter uma relação prévia com a empresa ou solicitar o recebimento de e-mails. Além disso, é possível que o e-mail vá direto para a caixa de spam, já que a experiência do contato pode não estar relacionada aos assuntos das mensagens.

Explore os tipos de e-mail marketing

O e-mail marketing é uma janela aberta para se aproximar do cliente. Por isso, saiba explorar todo o potencial que essa estratégia tem a oferecer. Abaixo, separamos alguns tipos de e-mail relacionais (nutrir um relacionamento), promocionais (promover ações da empresa) e operacionais (indicar alguma ação técnica):

  • newsletter: é um dos tipos de e-mail marketing mais utilizados. A ideia é nutrir o relacionamento com o cliente por meio de “boletins informativos”, com conteúdos a respeito do seu segmento (sem necessariamente abordar assuntos que tenham relação direta com a empresa);
  • pesquisa de satisfação: é uma maneira de avaliar as opiniões dos clientes sobre os produtos/serviços. Assim, é possível melhorar cada vez mais a atuação da empresa;
  • confirmação do endereço: é importante para saber se ele está realmente qualificado para receber os e-mails da empresa e certificar-se de que o endereço foi digitado corretamente;
  • novidades da loja: existe uma nova forma de pagamento na loja? Chegou um novo produto interessante para o usuário? O site passará por reformas? Enfim, mantenha o cliente informado (com uma regularidade não abusiva) sobre as novidades;
  • sugestão de produtos: a partir dos interesses do cliente na loja e das suas compras, é possível sugerir produtos que estejam correlacionados (após a confirmação da venda, por exemplo);
  • status do pedido: manter o cliente bem informado a respeito da compra é uma forma de ganhar a sua confiança, já que ainda há o estigma da insegurança de comprar pela internet.

O e-mail marketing é uma estratégia indispensável para quem quer ganhar dinheiro com uma loja virtual. É, de fato, uma ferramenta de fácil acesso e que pode ser aplicada em negócios de diferentes estágios, tamanhos e segmentos. Portanto, não perca essa oportunidade de fazer o seu e-commerce decolar.

Gostou do conteúdo? Tem alguma sugestão ou dúvida sobre essa estratégia? Quer compartilhar a sua experiência conosco? Deixe um comentário!

LIGUE 47 3055-2655

Fale com um especialista

icone whatsapp Glaucia

Luana

Chat direto clicando no ícone

Cadastre seu e-mail e fique atualizado sobre boas práticas de e-commerce. SEM SPAM 🙂

site-seguro
plataforma-workconnection
google-safe-browsing

Rua Emmerich Ruysam, 214 - Sala 03- Vila Nova  - Jaraguá do Sul - SC
Todos os direitos Reservados ©2018